Dynahead – Chordata I

Dynahead - Chordata I

 

Em um mercado onde cada dia mais os artistas preferem se basear na repetição, seguindo as últimas tendências ou não abandonando o tradicional, adotar o caminho inverso e explorar novas e diversas direções requer ousadia e criatividade.
 
Após o “Youniverse“, lançado em 2011, álbum conceitual que trata da origem do universo segundo a Cosmologia, os brasilienses do Dynahead lançam agora “Chordata I“.  Mais uma obra conceitual, dividida em duas partes, que aborda o surgimento da vida de acordo com a Biologia.
 
A criação da arte gráfica ficou a cargo de Chris Panatier, um artista americano que utiliza de nanquim e aquarela, conseguindo um resultado belíssimo e que foge dos arquétipos das capas de álbuns das bandas de Heavy Metal.
 
Rotular a música do Dynahead não é uma tarefa fácil e diria que até desnecessária. Dynahead é uma mistura de gêneros, formas, sensações e sentimentos. Esperar que o som deles soe de uma forma pré-definida, X ou Y, é um erro.  E é justamente o não conseguir prever qual será o desenrolar de cada canção que torna o trabalho da banda ainda mais envolvente.
Chordata I” é um emaranhado de influências, cadências e ritmos. Tem seus momentos rápidos e pesados, mas também os melódicos, onde o vocalista Caio Duarte (que também gravou a bateria) explora os vocais limpos bem mais do que nos outros álbuns.

Difícil destacar faixas de um trabalho que você vem ouvindo há tempos e já se apegou a todas elas, ainda mais num álbum tão diversificado. Mas podemos ressaltar a “Abiogenesis”, que  abre o álbum de forma calma, mas logo acelera, as pesadas “Bred Patterns” e “Collective Skin“, a belíssima (e minha preferida) “Growing In Veins” e “Hallowed Engine“, uma canção sinuosa que passeia pelo Doom e Thrash Metal, tem suas partes melódicas e nos surpreende com um samba (!).

Dynahead é tudo isso. Diversidade e complexidade. 
Uma viagem onde, para embarcar, você tem de estar despido de qualquer pré-conceito e deixar ser levado para lugares nunca explorados.

A banda fez lyric videos para todas as músicas do álbum. Inusitados, alguns chocantes e outros engraçados, o trabalho audiovisual serve como complemento ao conceito da obra que terá sua segunda parte lançada em março de 2014.

Você pode adquirir o “Chordata I” e baixar os outros CD’S do Dynahead clicando aqui

Formação:

Caio Duarte – Vocal (bateria / teclado)

Diogo Mafra – Guitarra
Pablo Vilela – Guitarra
Diego Teixeira – Baixo

Dynahead – Chordata I

Abiogenesis
Bred Patterns
Collective Skin
Dawn Mirrored in Me
Echoes of the Waves
Foster
Growing in Veins
Hallowed Engine
Inevitable

Site Oficial |  FanPage


 
Dynahead - Chordata I
Dynahead - Antigen, Youniverse e Chordata
Minha pequena coleção 😉
Dynahead - Antigen
Camiseta cinza…Quem não tem uma? 😉

Posts relacionados

Comments

comments

Deixe uma resposta